PASSAPORTE BRASILEIRO FOI USADO POR NOVO LÍDER COREANO PARA IR A DISNEY JAPONESA

O novo líder norte-coreano, Kim Jong-un, visitou secretamente o Japão durante sua infância, utilizando uma falsa identidade com um passaporte brasileiro, e inclusive teria visitado a Disneylândia de Tóquio, informou nesta quinta-feira o jornalYomiuri Shimbun.
Ele foi acompanhado de outra criança, aparentemente seu irmão mais velho Jong-chul, completou o jornal.

Os dois irmãos entraram no Japão em 12 de maio de 1991 e partiram onze dias depois, utilizando passaportes brasileiros verdadeiros com uma identidade falsa, informou o Yomiuri, citando fontes dos serviços secretos.

Os dois obtiveram vistos japoneses em Viena e Kim, que então tinha 8 anos, passou-se por Joseph Pak. O jornal não informou se outras pessoas os acompanhavam.
Os serviços de segurança japoneses tiveram suspeitas sobre sua verdadeira identidade, mas quando foi iniciada a investigação eles já tinham saído do país.
Os recibos dos cartões de crédito mostram que “provavelmente” visitaram a Disneylândia nos subúrbios de Tóquio, completou o jornal.

Seu meio irmão Jong-nam, que hoje tem 40 anos, foi expulso do Japão em 2001 depois de ter tentado entrar nesse país com um passaporte dominicano falso. Na época, Jong-nam declarou aos funcionários da imigração que desejava visitar a Disneylândia.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s