DIVISÃO DO ESTADO DO PARÁ CHEGA AGORA A TELEVISÃO

O clima do plebiscito sobre a divisão do Pará em três Estados (Carajás, Tapajós e Pará) promete esquentar com o início das propagandas na TV e no rádio nesta sexta-feira (11). A votação será daqui a um mês, em 11 de dezembro. Oficialmente, as campanhas começaram em setembro, mas até os representantes das frentes admitem que só parte da população está envolvida.
O deputado federal Joaquim de Lira Maia (DEM), da Frente pela Criação do Tapajós, conta que nas regiões onde seriam os futuros Estados “já há um clima mais quente”.
– Mas, no Pará como um todo, a nossa expectativa é que a campanha pegue um ritmo a partir do programa de rádio e televisão.
Atingir a população de Belém, capital do Estado, é o grande desafio para os que defendem o “sim”, ou seja, a divisão do Estado. A última pesquisa de opinião sobre o plebiscito, feita pelo Vox Populi e divulgada pelo jornal O Liberal em julho, mostra que, em Belém, quase 70% dos moradores eram contrários aos novos Estados enquanto que, fora da capital, a maioria (42%) era contra a separação, 37% eram favoráveis e 22% ainda não sabiam.
José Donizete Cazzolato, geógrafo do Centro de Estudos da Metrópole e autor do livro Novos Estados e a divisão territorial do Brasil, avalia que existe a sensação da perda e o medo da mudança. Segundo ele, a repercussão da possível criação de novos Estados foi negativa em parte da imprensa do Centro-Sul e do próprio Pará, o que pode ter peso na opinião pública. Os argumentos contrários são, em geral, o aumento de despesas e os interesses político e econômico envolvidos na divisão territorial.
– O que a frente contrária à divisão chama de custos, a favorável chama de investimentos.

Como serão as campanhas
A propaganda será feita em blocos de dez minutos, das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10, no rádio; e das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40, na televisão, sempre às segundas, terças, quartas, sextas-feiras e aos sábados, conforme o horário de Brasília.
Será um dia para as propagandas pró e contra o Estado de Tapajós e o outro para as propagandas pró e contra o Estado de Carajás. As campanhas serão veiculadas apenas no Pará, já que só os moradores de lá poderão votar no plebiscito.
A frente pelo Tapajós vai apostar na divulgação de números e de possíveis vantagens com a criação do novo Estado – Lira Maia se recusa a falar em separação do Pará.
– Vamos sair do emocional e mostrar que todos nós ganhamos, ninguém perde.
A campanha pelo Carajás também deve apostar em questões econômicas. O deputado estadual João Salame (PPS), da Frente Pró Carajás, diz que o argumento básico é que, com a divisão, as regiões terão mais recursos para o desenvolvimento.
– A previsão é que os dois novos Estados tenham um Orçamento de R$ 6 bilhões por ano, incluindo Fundo de Participação dos Estados, ICMS, IPVA, entre outros. Hoje, o governo do Pará gasta, nas duas regiões, R$ 1,5 bilhão.
O deputado diz que o Estado é muito grande, e o poder público não tem conseguido coibir crimes como violência contra sindicalistas e ambientalistas, e o desmatamento.
As frentes do “sim” contam com um publicitário de peso: Duda Mendonça, que já fez campanhas para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Marta Suplicy (PT) e Paulo Maluf (PP).
Já a Frente em Defesa do Pará e Contra a Criação do Tapajós, coordenada pelo deputado estadual Celso Sabino (PR), vai apelar para a dependência econômica dos novos Estados em relação à União.
– Vamos prestar esclarecimentos aos cidadãos sobre as consequências ruins da divisão. Todos os estudos disponíveis apontam para uma inviabilidade total dessa separação para as três regiões.
13/05/2011

Você conhece as capitais dos estados brasileiros?


Em qual capital está localizada a 6ª maior metrópole do mundo, também conhecida por ser a terra da garoa?

  • Belém (Pará)
  • Manaus (Amazonas)
  • São Paulo (São Paulo)
  • Rio de Janeiro (Rio de Janeiro)
DO; R7.COM
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s