CANTOR BAIANO É PRESO EM ARACAJU

Há cerca de uma hora, enquanto se apresentava em cima de um trio na casa de show Suburbia, o cantor baiano André Lelys foi detido por policias da Rádio Patrulha.

De acordo com o auxiliar administrativo, Marcos Aurélio Santos, que estava participando da festa, o policial identificado por Igor Alves teria subido ao trio elétrico onde André se apresentava informando que o som estava muito alto e que deveria parar.

Em seguida, o cantor informou à plateia que iria encerrar o show a pedido da polícia. Nesse momento, o PM dá voz de prisão a Lelys e o encaminha para a Delegacia Plantonista alegando que o artista estava colocando o público contra os policiais.

Algumas pessoas que estavam no show viram a polícia ambiental pedindo para que o som fosse baixado e, segundo elas, mesmo após cumprir a solicitação os agentes voltaram, discutiram e acabaram algemando André.

Nesse momento, os organizadores do evento estão na delegacia resolvendo a situação do cantor e prestando esclarecimentos ao delegado.

Anúncios

O OSCAR E SUA HITÓRIA

0scar statue.png

Descrição Excelência em realizaçõescinematográficas
Apresentador(es) Academia de Artes e Ciências Cinematográficas
País Estados Unidos
Primeira cerimónia 16 de maio de 1929
Página oficial

Tópicos de Cinema
Video-x-generic.svg

Filmreel-icon.svgPortal Cinema

v • e

Óscar (português europeu) ou Oscar (português brasileiro) (Academy Awards, no original em inglês) é um prêmio entregue anualmente pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, fundada em Los Angeles, Califórnia, em 11 de maio de 1927. São entregues anualmente pela Academia,[1] em reconhecimento à excelência de profissionais da indústria cinematográfica, como diretoresatoresroteiristas. A cerimônia formal na qual os prêmios são entregues, é uma das mais importantes do mundo. É também a mais antiga cerimônia de premiação na mídia e muitas outras, como o Grammy,EmmyGlobo de Ouro, foram inspiradas no Oscar. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas foi concebida por Louis B. Mayer, um dos fundadores da Metro-Goldwyn-Mayer.

1ª Entrega dos Prêmio da Academia aconteceu em 16 de maio de 1929, no Hotel Roosevelt em Hollywood, para honrar as realizações cinematográficas mais prominentes de 1927 e 1928. A cerimônia foi apresentada pelo ator Douglas Fairbanks e pelo diretor William C. DeMille. A 82ª Cerimônia do Oscar, honrando o melhor do cinema em 2009, foi realizada no dia 7 de março de 2010 no Teatro Kodak em Hollywood, apresentada pelos comediantes Steve MartinAlec Baldwin.[2]

Índice

[esconder]

A premiação

Oscar é o mais famoso e cobiçado troféu do mundo do cinema. É entregue anualmente em cerimônia no Teatro Kodak, na cidade de Los Angeles (EUA) aos que mais se destacaram no ano anterior em categorias como ator, atriz, diretor (realizador) ou cineasta, fotografia, música, roteiro (ou argumento) e melhor filme. Os vencedores são escolhidos por um colégio de mais de 5.800 membros votantes da Academia, de diversas nacionalidades. A cerimônia de entrega do Oscar é vista ao vivo na televisão por milhões de pessoas em todo o planeta.

Concorrem ao prêmio todos os filmes apresentados durante pelo menos uma semana em no mínimo três cinemas do distrito de Los Angeles no ano anterior à cerimônia, e os membros da Academia indicam os cinco selecionados para a escolha final dentro de sua própria categoria (atores indicam atores, diretores indicam diretores etc). Após a seleção dos cinco finalistas em cada categoria, todos os membros votam e elegem um dos indicados (ou nomeados) ao prêmio em suas respectivas modalidades.

A estatueta

Kodak Theatre, o local da cerimônia de entrega dos Oscar

O Oscar em si – cujo nome oficial é Prêmio de Mérito da Academia – é uma pequena estatueta de 35 cm de altura pesando quase quatro quilogramas, feita de estanho folheado a ouro de catorze quilates, em forma de um cavaleiro sobre um pedestal no formato de um rolo de filme, com uma espada de cruzado atravessada verticalmente no peito. Seu valor real é de cerca 200 dólares, mas seu valor simbólico é incomensurável, pelo prestígio profissional e popular que concede ao premiado e pelo faturamento que pode dar a um filme.

Concebida em 1929 pelo diretor de arte Cedric Gibbons e pelo escultor George Stanley, não sofreu mudanças até hoje, nos 80 anos em que já foi entregue. Apenas durante a Segunda Guerra Mundial foi confeccionada em gesso pintado com tinta dourada, devido ao esforço de guerra americano na época, que procurava racionar todos os tipos de metal. Após o conflito, os agraciados com estes Oscars tiveram seus prêmios trocados pela estatueta original.

A versão mais popular e conhecida para o nome dado ao careca dourado, é a que concede a autoria dele à secretária-executiva da Academia, Margareth Herrick, que ao vê-lo comentou que a pequena estátua parecia muito com seu tio Oscar, comparação ouvida por um jornalista presente no momento, que a publicou em seu jornal. Outra versão dá conta que a atriz Bette Davis o teria apelidado assim, dado a semelhança da estatueta com seu primeiro marido. De qualquer modo o apelido pegou de tal maneira que hoje – e há muitos anos – é o nome pelo qual o Academy Award ou Prêmio da Academia é conhecido mundialmente.

Prêmios da Academia ao Mérito

Prêmios atuais

Principais

Coadjuvantes

Técnicos

Prêmios retirados

Prêmios Especiais da Academia

Prêmios especiais atuais

Prêmios especiais retirados

Estatísticas

Curiosidades

  • O maior número de pessoas citadas no agradecimento feito após ganharem a estatueta do Oscar ocorreu na cerimônia de 1947, quando Olivia de Havilland ganhou o seu prêmio como melhor atriz pelo desempenho no filme de 1946 Só resta uma lágrima, e agradeceu a 27 pessoas.
  • O valor de um Oscar pode ser faraônico. Num leilão em 1993, a estatueta ganha pela atriz inglesa Vivien Leigh em 1940, como melhor atriz pelo filme …E o vento levou, foi arrematada por 562 mil dólares.
  • Em toda a história da premiação, houve apenas dois empates: em 1933 Wallace Beery (The Champ) e Fredric March (O Médico e o Monstro) dividiram o prêmio de melhor ator. Em 1969 foi a vez de Barbra Streisand (Funny Girl) e Katharine Hepburn (O Leão no Inverno) dividirem o de melhor atriz. Na época, era considerado empate um resultado que desse uma diferença de até três votos entre os mais votados. Hoje, o empate se tornou muito mais difícil porque o número de votos precisa ser rigorosamente igual.
  • Walt Disney tem o maior número de indicações ao Oscar de todos o tempos: 64.
  • A trilogia cinematográfica O Senhor dos Anéis é a única franquia a receber simultaneamente o prêmio Oscar de Melhores Efeitos Visuais.
  • Dois grandes atores já recusaram o prêmio desejado por tantos: George C. ScottMarlon Brando. Scott, premiado por Patton, avisou antes que não aceitaria se ganhasse, porque não acreditava em competição entre atores. Ganhou assim mesmo e não aceitou receber. Brando, que já havia sido premiado em 1955 por Sindicato de Ladrões e aceitou, mandou uma índia de nome Sacheen Little Feather representá-lo na entrega dos prêmios de 1973, que lhe deu o segundo Oscar por O Poderoso Chefão. Sacheen subiu ao palco na hora do anúncio da vitória de Brando – feito por Liv Ullman e pelo então novo 007Roger Moore – recusou o prêmio em nome dele e enfureceu a platéia e o público televisivo, com um discurso escrito pelo ator contra a opressão sofrida pelo índionorte-americano. Tempos depois, descobriu-se que a “índia” era na verdade uma dançarina do Texas que acabou posando para a revista Playboy.
  • A mais jovem vencedora de um Oscar foi a pequena Tatum O’Neal, filha do ator Ryan O’Neal, que aos dez anos recebeu o premio como atriz coadjuvante no filme Lua de Papel, de 1974. A segunda mais jovem, a canadense Anna Paquin, só pôde assistir ao próprio filme cinco anos após sua produção. O filme O Piano, em que ela ganhou o Oscar de melhor atriz coadjuvante, era proibido para menores de dezesseis anos e ela só tinha onze.
  • A atriz Meryl Streep é a recordista de indicações ao prêmio, com 16 no total, desde 1979. Venceu duas vezes: como melhor atriz coadjuvante por Kramer versus Kramer, em 1980, e como melhor atriz por A Escolha de Sofia, em 1983.
  • Ben-HurTitanicO Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei, são os filmes que mais conquistaram prêmios, 11 estatuetas cada um.
  • A trilogia O Senhor dos Anéis foi a franquia mais prestigiada pela Academia: foram 17 prêmios Oscar em 30 indicações.
  • Uma inserção de comercial de televisão de trinta segundos na rede de TV ABC, transmissora da festa, em rede nacional durante a entrega do Oscar, pode custar 220 mil dólares.
  • Tornam-se eleitores do Oscar todos aqueles profissionais de cinema que tenham ao menos sido indicados uma vez para alguns de seus prêmios. Entre os poucos brasileiros habilitados para votarem estão a atriz Fernanda Montenegro e os cineastas Walter SallesBruno BarretoFernando Meirelles.
  • O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei é o primeiro, e até hoje, o único filme de fantasia da história a receber um prêmio Oscar de Melhor Filme.
  • Na categoria de melhor “filme de língua estrangeira,” apenas um país latino-americano já conseguiu uma estatueta, por duas vezes: a Argentina, com A História Oficial, em 1986, e El secreto de sus ojos, em 2010. A Itália e a França dividem a liderança nesta categoria: doze vitórias cada.
  • A categoria “Melhor Filme de Língua Estrangeira” é freqüentemente referida por “Melhor Filme Estrangeiro” que é uma categoria inexistente. O Oscar de melhor filme de língua estrangeira não vai para o país da língua falada no filme, mas para o país da nacionalidade do diretor do filme—embora a Língua deste filme tenha que ser estrangeira ao Inglês. Aliás, até 1955 a Academia presenteava o Oscar só aos filmes de língua estrangeira que eram feitos nos EUA. Em resumo, não é o filme que precisa ser de direção estrangeira para este ganhar o prêmio, mas a Língua do filme é que tem que ser estrangeira para o filme concorrer ao prêmio e quem ganha o Oscar não é o país da nacionalidade da língua, nem aonde o filme é rodado, ou o país da nacionalidade da producão do filme, mas o diretor do filme.
  • Alguns dos maiores ícones da história do cinema jamais conseguiram ganhar um Oscar por um dos seus filmes. Os casos mais notáveis entre eles são os de Richard BurtonStanley Kubrick,Alfred HitchcockKirk Douglas que recebeu um Oscar honorável das mãos de seus filhos incluindo Michael Douglas em 1996 e até o gênio Charles Chaplin, que também ganhou um honorário em1972, aos 82 anos de idade.
  • A pessoa mais jovem a ser indicada a um óscar dentre todas as categorias foi Justin Henry, indicado na categoria melhor ator coadjuvante aos 8 anos de idade.
  • Os únicos filmes vencedores do Oscar de melhor filme a levar apenas uma estatueta foram The Broadway MelodyMutiny on the BountyGrand Hotel, sendo que este último não foi indicado a mais nenhuma categoria.
  • Em toda a história, apenas duas pessoas receberam um Oscar póstumo: Peter Finch, por Rede de Intrigas, em 1976, e Heath Ledger, por O Cavaleiro das Trevas, em 2009. Outros cinco atores falecidos receberam indicação: Spencer TracyMassimo TroisiRalph RichardsonJeanne EagelsJames Dean.
  • Apenas 3 filmes receberam os cinco principais prêmios da Academia – Melhor AtrizMelhor Ator, Melhor Roteiro (Adaptado ou Original), Melhor DiretorMelhor Filme – são eles: Aconteceu Naquela Noite, em 1934Um Estranho no Ninho, em 1975O Silêncio dos Inocentes, em 1990.
  • “Lose Yourself”, música do cantor norte-americano Eminem, foi o primeiro rap a vencer o Oscar de melhor canção, em 2003. Eminem, contudo, irritado com produção do evento, que pediu ao rapper para criar uma versão “light” da música, enviou o seu produtor Luis Resto para receber a estatueta, enquanto ele mesmo ficou sentado em sua cadeira no evento.
  • No mesmo ano da indicação e vitória de Eminem, Caetano Veloso se tornou o primeiro brasileiro a se apresentar em uma cerimônia do Oscar. O cantor baiano interpretou a música Burn it Blue, tema do filme “Frida”, canção esta que foi indicada ao Oscar, mas derrotada. O vencedor do Oscar de melhor roteiro original, “Fale com Ela”, de Almodóvar, também contava com Caetano, que cantou uma música em uma cena do filme.

Referências

  1. About the Academy Awards“. Academy of Motion Picture Arts and Sciences. Acessado em 20 de fevereiro de 2010.
  2. 82nd Academy Awards and the Oscars“. Oscars.org. Acessado em 6 de fevereiro de 2010.

Bibliografia

  • ALBAGLI, Fernando. Tudo sobre o Oscar. ZIT. 2004
  • EWALD FILHO, RubensO Oscar e Eu. IBEP. 2003
  • PEREIRA FILHO, Francisco Alves . Oscar Awards, a historia completa do maior premio do cinema mundial. BLUHM. 2002
  • PEREIRA FILHO, Francisco Alves . Setenta anos do Oscar. RELUME-DUMARA. 1997

Ligações externas
Commons possui multimídias sobre Óscar

OSCAR 2012, QUEM CONCORRE A QUE?

Lista completa:

Melhor filme

Cisne Negro

O Vencedor

A Origem

O Discurso do Rei

A Rede Social

Minhas Mães e meu Pai

Toy Story 3

127 Horas

Bravura Indômita

Inverno da Alma

Melhor diretor

Darren Aronovsky – Cisne Negro

David Fincher – A Rede Social

Tom Hooper – O Discurso do Rei

David O. Russell – O Vencedor

Joel e Ethan Coen – Bravura Indômita

Melhor ator

Jesse Eisenberg – A Rede Social

Colin Firth – O Discurso do Rei

James Franco – 127 Horas

Jeff Bridges – Bravura Indômita

Javier Bardem – Biutiful

Melhor atriz

Nicole Kidman – Reencontrando a Felicidade

Jennifer Lawrence – Inverno da Alma

Natalie Portman – Cisne Negro

Michelle Williams – Blue Valentine

Annette Bening – Minhas Mães e meu Pai

Melhor ator coadjuvante

Christian Bale – O Vencedor

Jeremy Renner – Atração Perigosa

Geoffrey Rush – O Discurso do Rei

John Hawkes – Inverno da Alma

Mark Ruffalo – Minhas Mães e meu Pai

Melhor atriz coadjuvante

Amy Adams – O Vencedor

Helena Bonham Carter – O Discurso do Rei

Jacki Weaver – Animal Kingdom

Melissa Leo – O Vencedor

Hailee Steinfeld – Bravura Indômita

Melhor longa animado

Como Treinar o Seu Dragão

O Mágico

Toy Story 3

Melhor filme em lingua estrangeira

Biutiful

Fora-da-Lei

Dente Canino

Incendies

Em um Mundo Melhor

Melhor direção de arte

Alice no País das Maravilhas

Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte I

A Origem

O Discurso do Rei

Bravura Indômita

Melhor fotografia

Cisne Negro

A Origem

O Discurso do Rei

A Rede Social

Bravura Indômita

Melhor figurino

Alice no País das Maravilhas

I am Love

O Discurso do Rei

The Tempest

Bravura Indômita

Melhor montagem

Cisne Negro

O Vencedor

O Discurso do Rei

A Rede Social

127 Horas

Melhor documentário

Lixo Extraordinário

Exit Through the Gift Shop

Trabalho Interno

Gasland

Restrepo

Melhor documentário em curta-metragem

Killing in the Name

Poster Girl

Strangers no More

Sun Come Up

The Warriors of Qiugang

Melhor trilha sonora

Alexandre Desplat – O Discurso do Rei

John Powell – Como Treinar o seu Dragão

A.R. Rahman – 127 Horas

Trent Reznor e Atticus Ross – A Rede Social

Hans Zimmer – A Origem

Melhor canção original

“Coming Home” – Country Strong

“I See the Light” – Enrolados

“If I Rise” – 127 Horas

We Belong Together – Toy Story 3

Melhor Maquiagem

O Lobisomem

Caminho da Liberdade

Minha Versão para o Amor

Melhor Curta-metragem de animação

Day & Night

The Gruffalo

Let’s Pollute

The Lost Thing

Madagascar, Carnet de Voyage

Melhor Curta-metragem

The Confession

The Crush

God of Love

Na Wewe

Wish 143

Melhor Edição de som

A Origem

Toy Story 3

Tron – O Legado

Bravura Indômita

Incontrolável

Melhor Mixagem de som

A Origem

Bravura Indômita

O Discurso do Rei

A Rede Social

Salt

Melhor Efeitos especiais

Alice no País das Maravilhas

Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte I

Além da Vida

A Origem

Homem de Ferro 2

Melhor Roteiro adaptado

A Rede Social

127 Horas

Toy Story 3

Bravura Indômita

Inverno da Alma

Melhor Roteiro original

Minhas Mães e meu Pai

A Origem

O Discurso do Rei

O Vencedor

Another Year

NOVELA GRAVADA EM CANINDÉ BENEFICIARÁ CENÁRIO SERGIPANO

O audiovisual sergipano ganha cada vez mais destaque no país. Após os filmes “Orquestra dos Meninos”, “Senhor dos Labirintos” e “Aos ventos que virão”, gravados em solo sergipano, uma novela da TV Globo promete movimentar ainda mais o cenário do audiovisual no menor estado do país.
cordel encantado

A trama, intitulada “Cordel Encantado”, será gravada no complexo Xingó, que abrange os municípios de Canindé do São Francisco (SE), Piranhas (AL), Olho D’Água do Casado (AL) e Delmiro Gouveia (AL), e contará ainda com cenas do castelo do Vale do Loire, na França.

Em Sergipe desde o início de novembro, o coordenador de produção da TV Globo, Renato Azevedo, falou a respeito da nova produção e afirmou que a beleza da região foi decisiva para a escolha das locações. “Este é um projeto audacioso. Os canyons e sua beleza impactante, como também a paisagem quase inexplorada da região, foram os grandes motivos que trouxeram a gravação para Sergipe, mesmo com as dificuldades naturais como os espinhos e o clima”, disse.

Desde a primeira semana de fevereiro, uma oficina de preparação de atores ocorre no Clube Altemar Dutra, em Canindé. A seleção para o curso foi feita por produtores da novela, que escolheram pessoas das comunidades que receberão a trama. A oficina conta com a preparação do ator Antônio Santos, mais conhecido como Tonhão Beijaflor. “A escolha de atores da nossa região foi importante para valorizar ainda mais os artistas locais”, defende Sílvia de Oliveira, secretária de Turismo de Canindé.

Para a secretária de Estado da Cultura, Eloísa Galdino, a gravação da novela em Canindé representa uma oportunidade a mais para os sergipanos, uma vez que serão necessários atores locais para fazer figuração e pequenas participações na trama. “Viabilizar esta produção em Sergipe significa que o enorme esforço do Governo em desenvolver a cultura e o turismo do Estado está dando resultados. A Emsetur não mediu esforços para garantir que Sergipe fosse contemplado. Além disso, sem dúvida, o nosso audiovisual tem muito a ganhar, com nossos cenários e nossos artistas sendo vistos maciçamente em todo o país”, completou.

Trama

A novela conta a história dos reis da fictícia Seráfia do Norte, Augusto (Carmo Dalla Vecchia) e Cristina (Alinne Moraes). O casal viaja com a filha, Aurora, ainda bebê, para o Brasil em busca de um tesouro escondido pelo fundador de seu reino. Na aventura, a rainha e sua filha sofrem uma emboscada arquitetada pela maquiavélica duquesa Úrsula de Bragança (Débora Bloch), que deseja o trono.

Antes de morrer, a rainha salva Aurora e a entrega para ser criada por um casal de lavradores, que a batizam de Açucena (Bianca Bin). Outro ponto dessa trama é o cangaceiro Herculano (Domingos Montagner), que, preocupado com a segurança de seu filho, Jesuíno (Cauã Reymond), e de sua mulher, Benvinda (Cláudia Ohana), os deixa em uma fazenda até que o rapaz possa assumir seu posto como líder do cangaço. E o destino irá unir Açucena e Jesuíno numa complicadíssima história de amor.

A diretora-geral da trama será Amora Mautner e o elenco conta ainda com nomes como Bruno Gagliasso, Natália Dill, Matheus Nachtergaele, Andreia Horta, Isabelle Drumond, Jayme Matarazzo, Reginaldo Faria e Luiz Fernando Guimarães. A história de Thelma Guedes e Duca Rachid deve ser gravada em Sergipe no período de 10 a 29 de março e tem estreia prevista ainda para 2011.